Domingo é dia de panqueca!

Domingo é dia de acordar mais tarde, tomar um café da manhã com calma e se preparar para um belo dia de preguiça… Adoro fazer panquecas fofinhas nestes dias, pois é rápido e não precisa de liquidificador (que faz um barulho tremendo, o que não é bem vindo domingo pela manhã) e, claro, porque é gostoso demais!

Hoje fiz uma panqueca fofinha com banana na massa, ficou uma delícia! Veja como é tranquilo preparar:
panqueca-banana

Panquecas de Banana com Baunilha

Ingredientes:
2 bananas maduras
1 colher (chá) de essência de baunilha
1 xícara (chá) de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento químico
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1 colher (sopa) de açúcar mascavo
1 ovo
1/3 de xícara de leite (usei iogurte natural)
1 colher (sopa) de manteiga derretida

Preparo:

  1. Amasse as bananas com a baunilha.
  2. Peneire a farinha, o fermento, o bicarbonato em uma tigela e junte o açúcar.
  3. Para uma massa homogênea, bata o ovo com o leite (ou o iogurte) e a manteiga derretida e junte, batendo, a mistura seca. Adicione o purê de banana.
  4. Aqueça uma frigideira ou chapa e unte com papel toalha dobrado umedecido com óleo. Coloque colheradas grandes de massa, espaçando-as bem. Frite por cerca de 2 minutos, três ou quatro panquecas por vez, até que apareçam bolhas na superfície e a parte inferior dourar. Vire a panqueca com uma espátula e frite por mais 1 ou 2 minutos.
  5. Servir com o acompanhamento que preferir: mel, doce de leite, geleia… e claro um café fresquinho.

A receita está no livro Brunches para todos os gostos. Bem ilustrado e com receitas ótimas! Recomendo mesmo.

Uma semana doce, cheia de paz e realizações.

Anúncios

Rosca Chelsea: massa delicada, cobertura doce

Este post vai para Sabrina Carozzi [do blog: A rapa do tacho] e Rita Carozzi, que pediram esta receita pelo Facebook :) É só anotar tudinho e colocar a mão na massa!

Esta receita foi uma bela surpresa. Daquela que conquista primeiro pelo visual e depois de provar você tem certeza de que realmente a coisa é boa!

A receita é o livro “O Grande Livro de Receitas: Pães” da Publifolha de 2009. O livro é bem ilustrado e tem receitas ótimas! Tem um capítulo específico de receitas com preparo na máquina de fazer pães, bem prático.

Vamos à receita:

ROSCA CHELSEA

 

 

 

 

 

 

 

 

Ingredientes:
225g de farinha de trigo
1/2 colher de chá de sal
55g de manteiga picada {25g para a massa e 30g para o recheio}
1 1/2 colher de chá de fermento biológico seco instantâneo
25g de açúcar
1 ovo grande levemente batido
cerca de 100ml de leite morno {se ficar na máquina de pão, usar leite frio}
85g de uvas-passas escuras
55g de uvas-passas brancas
55g de açúcar mascavo claro {usei o escuro mesmo}
1 1/2 colher de chá de canela em pó
2 colheres de sopa de mel para pincelar

Modo de Preparo:
1. Unte uma forma de bolo quadrada em 18cm {fiz em forma redonda com furo no meio}.
2. Peneire a farinha e o sal em uma tigela grande e junte 25g de manteiga, amassando suavemente. Acrescente o fermento e o açúcar e misture. Faça um buraco no meio, ponha o ovo e adicione o leite aos poucos, misturando até obter uma massa macia.
3. Coloque a massa em uma superfície polvilhada com farinha e sove até ficar lisa e elástica. Faça uma bola com ela, ponha em uma tigela levemente untada com óleo, cubra e deixe crescer em local aquecido até dobrar de tamanho.
4. Sove a massa novamente em superfície polvilhada com farinha e abra em um retângulo de 30x23cm. Derreta a manteiga restante e pincele sobre a massa.
5. Misture as frutas secas, o açúcar mascavo e a canela e salpique sobre a massa.
6. Começando pelo lado mais longo, enrole a massa como um rocambole. Corte em 12 fatias iguais e coloque-as na forma com o lado do corte para cima.
7. Cubra e deixe crescer em local aquecido até dobrar de tamanho.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

8. Pré-aqueça o forno a 190°C. Asse por 25-30 minutos, ou até estar crescida e bem dourada.
9. Retire do forno e pincele ainda quente com o mel, duas vezes. Deixe esfriar antes de desenformar.

—–}——–{—–

O Augusto até hoje não esquece deste pão. E eu até hoje não repeti a receita… Talvez pelo medo de não ficar tão bom como na primeira vez e mexer na doce e surpreendente lembrança :)

Sento só o que foi essa massa! Macia, leve, delicada… E a cobertura e o recheio doces e marcantes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O mel pincelado dá um sabor muito especial.

Sabrina, depois quero fotos, heim?! ;)

Um doce abraço,
Mari

 

Panquecas Fofinhas

No último aniversário ganhei dos meus sogrinhos um livro de Brunches: para todos os gostos da Sara Lewis e amei!!! Tem panquecas, crepes, omeletes, waffles, tortas e bebidas, uma locura de receitas para aqueles cafés da manhã de finais de semana, sem pressa, sem compromisso…

Comecei testando as receitas de panquecas e a que mais gostei até agora foi a “Panqueca Fofinha”, segue receita:

Ingredientes:
1/2 colher de sopa de manteiga
1 1/3 de xícara de chá de farinha de trigo
2 colheres de chá de fermento químico
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
3 colheres de sopa de açúcar cristal
1 ovo
3/4 de xícara de iogurte natural (é a mesma medida de um potinho)

Para servir:
Mel e Manteiga

Preparar a massa:
1. Derreta a manteiga em uma panela ou no microondas;
2. Misture os secos: peneira em uma tigela a farinha de trigo, o fermento e o bicarbonato, misture tudo;
3. Misture os molhados: bater ovo, iogurte e a manteiga;
4. Junte os ingredientes molhados com os secos até obter uma massa lisa.

Hora de colocar a massa na frigideira:
1. Aqueça uma frigideira antiaderente, unte com um pouco de óleo, retirar o excesso;
2. Coloque colheradas de massa na frigideira, bem separadas (a massa creeesce);
3. Frite até aparecerem bolhas na superfície, vire para fritar o outro lado;
4. Retire as panquecas da frigideira e coloque em um prato e mantenha-as aquecidas.

Servir as panquecas em uma pilha alta, cobertas com manteiga e mel.

Bom brunch para todos!