Navegar é Preciso – Parte 2: Paraty / RJ

Como é bom recordar!!! Fazendo a seleção das fotos para este post me transportei para a mágica Paraty.

Não poderia começar de outra maneira, se não com a Igreja de Santa Rita vista do mar :) Melhor combinação da viagem: centro histórico > mar (que logo lembra frutos do mar :p).

Igreja de Santa Rita - Paraty / RJ

O centro histórico é super charmoso, inspira andar devagar, contemplar a vida e claro boemia…

Primeira parada gastronômica: pastelzinho de camarão com chopp na Casa Coupê | Praça Matriz.

Quer jeito melhor de começar a relaxar?!

Casa Coupê | Chopp + comida de buteco + localização privilegiada = Mesas disputadas!

Nesta primeira noite jantamos em um lugar muuuuito legal, mas claro que nestas horas os registros fotográficos dão “tilte” e nossa memória se encarrega de gravar os momentos, deve ser para que se tornem mais especiais.

Noutro dia… após passeio de escuna, tomando banho nas águas quentinhas com peixinhos listrados, encontramos numa casa venda de doces e salgados:

... e era por uma boa causa ;)

Tooorta de limão, massa crocante (e não era feita de bolacha), creme cítrico e uma generosa cobertura de merengue... afff

Como o salgado ainda é meu preferido, não aguentei e comprei um kibe... para ajudar a Festa do Divino, claro!

depois disso tudo, só abrindo uma coca mesmo...

Mas só de lanchinhos não se pára em pé! Num dia resolvermos jantar de verdade e olha o que aconteceu:

Frango A Cubana! Filé de peito a milanesa, banana a milanesa, batata frita e arroz a grega... ah, tinha alface tb!

Restaurante Caramujo, bem na entrada do centro histórico

Juro que não sabíamos que os filés de frango eram quase um frango inteiro a milanesa! Mas não é que comemos tudo!

Para fechar esse post uma imagem de Paraty pelo mar.

Ah o verão...

Logo outro post sobre Paraty!

Anúncios